tem no suburbio logo branco.png
  • Rafael Bastos

Poéticas do Subúrbio

Projeto cultural de longo prazo visa incentivar e valorizar autores e dramaturgos do subúrbio do Rio de Janeiro

O Poéticas do Meu Subúrbio Carioca é um projeto criado com o intuito de difundir a literatura independente em suas mais diversas formas, de forma a trazer benefício tanto para o autor quanto para a formação de novos leitores, o projeto propõe transformar palavras em outros formatos, sejam teatrais, audiovisuais, artístico-digitais, entre outros.


A ideia de transformar literatura em outros formatos artísticos tem como princípio não só criar diálogos criativos entre autor e produção, mas principalmente fazer a obra chegar em jovens que não tenham desenvolvido ainda o interesse pela leitura. Dessa forma, investe-se em mídias e manifestações mais populares, sem perder o senso estético e conceitual artístico, para alcançar pessoas com um grande potencial de se tornarem leitoras.


"O Poéticas do Meu Subúrbio Carioca começou a partir da ideia de que a literatura é capaz de mudar o mundo, a partir da mudança que ela traz às pessoas. Mas ao mesmo tempo surgiu também da problematização pela dificuldade de se identificar com uma literatura internacional, elitizada, esterilizada que circula e faz sucesso facilmente. Longe de achar esse tipo de leitura inválida, porque o hábito da leitura de forma geral é sempre benéfico, percebe-se que personagem e histórias muito distantes da realidade afastam leitores."

De forma geral, o Poéticas do Meu Subúrbio Carioca é uma ponte: entre autor e leitor; entre o real e o fantástico; e entre o conhecer e o criar.

"Então, o impulso de querer incentivar a leitura e de valorizar também a cultura nacional, enquanto matéria-prima de fantasia e arte, fez com que o Poéticas do Meu Subúrbio Carioca surgisse para aproximar quem produz literatura com frequência e não tem o reconhecimento que merece com pessoas que sentem esse afastamento daquilo que consome enquanto leitura, ou pior, que acham que não gostam de ler ou que leitura não é uma atividade “para elas” simplesmente por não conhecer o trabalho incrível de autores suburbanos independentes que falam dessa realidade cotidiana, que é dura, cansativa, mas que também carrega beleza e poesia."

O projeto, gerido pela Vértebra Projetos Artísticos, saiu do papel em dezembro de 2020, após ser contemplado pelo prêmio Fomento A Todas as Artes, por meio da Lei Aldir Blanc

do município do Rio de Janeiro.


Dioilson: Estórias do Çubúrbio | Primeira História lançada pelo Poéticas


A primeira história que o Poéticas do Meu Subúrbio Carioca traz é Dioilson: Estórias do Çubúrbio, um conto do autor Sérgio Ortiz de Inhaúma, inspirado em seu livro de 2017, Dioilson.

Sérgio é professor de filosofia, nascido e criado em Inhaúma, e iniciou sua trajetória literária em 2006. Já tendo publicado alguns livros em pequenas tiragens independentes, o autor escreve bastante dentro de um Universo Cósmico Solar Suburbano, que dá unidade a sua escrita poética, fragmentada e quente de personagens que vivem e transitam pelo subúrbio carioca, sendo moldado por essas experiências.


A escrita de Sérgio já havia chamado atenção de algumas pessoas da Vértebra Projetos Artísticos, o que o levou a ser convidado para compor ideias que já tinham começado a ser desenvolvidas a respeito de como fazer essa literatura chegar mais facilmente em quem ela deveria chegar.


Assim, Dioilson: Estórias do Çubúrbio, adaptando-se também à situação delicada da pandemia do COVID-19, surge como um projeto multifacetado, que une literatura, audiovisual e arte-digital convidando o internauta a conhecer o universo do autor. Na prática, foi solicitado que Sérgio escrevesse um conto que transmitisse a atmosfera de sua obra mais significativa, Dioilson, a partir do qual seria produzido um material visual e

audiovisual.


No dia 15 de março de 2021 foi lançado o site www.poeticasdosuburbio.com.br, com uma apresentação visual-interativa, na qual o internauta não só pode ler na íntegra o conto Dioilson: Poéticas do Subúrbio como também tem acesso a pílulas audiovisuais, que, para além do curto texto, trazem ainda mais nuances e detalhes do universo de Sérgio. Tais pílulas se dividem em duas facetas: Uma interpretativa-poética, com personagens e cenas que aprofundam a sua história; outra emocional-documental com moradores do subúrbio lendo trechos da obra original e contando um pouco do seu atravessamento com aquela história.

A concepção do projeto como um todo é atravessada pelo subúrbio, não enquanto ideia, mas enquanto pessoas que o constróem. Assim, os atores envolvidos nasceram e/ou foram criados no subúrbio; os leitores apresentados também; a produção de roteiro e direção… Acreditamos que esse convite a conhecer esse universo fantástico do Sérgio, assim como muitos outros viram mais a frente, precisa partir de um lugar artístico, mas também sincero. Dialogar com linguagem, mas também com olho no olho de quem experiencia o subúrbio e por reconhecer as suas potências criativas convida o internauta, possível leitor, a criar também.

Dioilson: Estórias do Çubúrbio

Site oficial: www.poeticasdosuburbio.com.br